(11) 94570-7451 (11) 97367-7711 (11) 98592-6308

ARTIGOS E NOTÍCIAS

27/07/2015

Nota de esclarecimento ao público sobre a morte de jovem que injetou hidrogel no pênis.

Nota de esclarecimento ao público sobre a morte de jovem que injetou hidrogel no pênis.

Estudante de 18 anos morreu na noite da última sexta-feira após aplicar hidrogel por conta própria em seu pênis.

 

Nós da Clínica Dr.Dantas lamentamos a perda da vida do jovem que se auto-injetou hidrogel para o aumento do pênis. Sensibilizados também pela tragédia vamos passar aos fatos e esclarecer que este tipo de produto (hidrogel) não deve de forma alguma ser utilizado para o aumento do pênis mesmo que em mãos de profissionais médicos especializados. 

 

Passamos a descrever a notícia segundo as fontes citadas abaixo.

 

O Instituto Médico Legal (IML) de Ribeirão Preto (SP) confirmou nesta segunda-feira (27) que o jovem de 18 anos, que morreu na sexta-feira (24), havia aplicado hidrogel no pênis.

 

O estudante Yuri Mamede da Costa, 18 anos, morreu na noite da última sexta-feira após aplicar hidrogel por conta própria em seu pênis, em Ribeirão Preto (313 km de SP).

 

Segundo testemunhas relataram à polícia, Costa aplicou a substância, usada no preenchimento de tecidos e músculos, em casa, à tarde.

 

Cerca de uma hora depois, ele começou a sentir fortes dores na cabeça e no corpo e foi levado ao Hospital das Clínicas da cidade, onde teve uma parada cardiorrespiratória e morreu.

 

O jovem deu entrada na Unidade de Emergência do Hospital das Clínicas (HC-UE) na tarde de sexta-feira. Segundo o boletim de ocorrência, o rapaz injetou a substância no pênis, mas não resistiu a um quadro de insuficiência respiratória aguda e morreu quatro horas após ser atendido.

 

Segundo o médico legista Mário Marcos Abeid, autor do laudo, Costa sofreu uma embolia que causou uma parada cardiorrespiratória. “O rapaz obviamente não tinha conhecimento técnico para fazer tal procedimento, que eu nunca tinha visto ser realizado no pênis. Pela falta de conhecimento, provavelmente ele pegou vários vasos, causando vários trombos que caíram na circulação sanguínea, foram até o pulmão, causando um quadro de embolia pulmonar”, explicou.

 

Ainda de acordo com Abeid, não foi possível detectar a quantidade de produto usada pelo jovem. Também não havia indícios de aplicações em outras partes do corpo.

 

Apesar de o produto ser formado 98% por água e de ser absorvido pelo corpo após aproximadamente dois anos, o médico explica que tanto o hidrogel quanto a forma com que ele é aplicado podem provocar complicações que colocam a saúde do paciente em perigo.

 

 

Hidrogel

 

 

 

Fontes consultadas:

 

http://falandosobrepenis.blogspot.com.br/2015/07/nota-de-esclarecimento-ao-publico-sobre.html
http://g1.globo.com/sp/ribeirao-preto-franca/noticia/2015/07/jovem-morreu-por-embolia-apos-aplicar-hidrogel-no-penis-aponta-iml.html
http://www.agora.uol.com.br/saopaulo/2015/07/1660790-estudante-morre-apos-aplicar-hidrogel-no-penis-em-casa.shtml
http://g1.globo.com/bemestar/noticia/2014/12/sociedades-medicas-fazem-alerta-sobre-aplicacao-de-hidrogel.html
http://g1.globo.com/sp/ribeirao-preto-franca/noticia/2015/07/rapaz-de-18-anos-morre-apos-suposta-aplicacao-de-hidrogel-no-penis.html